Área Reservada
  • Português

Solidariedade por todas as pessoas afetadas pelo conflito na Ucrânia

Quarta, 09 Março 2022 18:17

A Oikos condena o recurso à guerra e solidariza-se com todas as pessoas afetadas pelo conflito na Ucrânia.

 

Apelamos, tal como a Plataforma das ONGD portuguesas, à valorização da cooperação e do diálogo internacional enquanto meio pacífico para a resolução de contendas políticas entre Estados.

A via diplomática, o respeito pela democracia, pelo direito internacional, pelos Direitos Humanos e pela paz, são condições essenciais para evitar uma escalada do conflito e o avolumar de uma catástrofe humanitária na Ucrânia e países vizinhos.

 

Apelamos à criação de corredores humanitários, quer para o encaminhamento e distribuição de ajuda humanitária, quer para a evacuação de civis. Apelamos, igualmente, ao respeito pela vida e segurança dos trabalhadores humanitários e suas organizações.

Uma atenção especial deve ser focada na assistência aos civis mais vulneráveis, em especial as pessoas com deficiência e fraca mobilidade, crianças, idosos e mulheres.

 

© Foto cedida por Luís Godinho, excelente fotojornalista português. Ucrânia, Lviv