Área Reservada

Alerta em Moçambique: estima-se que 1,5 milhões de pessoas vão ser afetadas com a tempestade tropical Chalane

Terça, 29 Dezembro 2020 15:12

A Oikos reuniu esta manhã com parceiros humanitários no terreno, estimando-se que 1,5 milhões de pessoas serão afetadas pela tempestade Chalane na zona centro de Moçambique e 300.000 estarão em risco. Já há 814 refúgios temporários preparados para abrigar as pessoas que estão a ser evacuadas das zonas de maior perigo.

A equipa da Oikos está em coordenação local com o INGC- Instituto Nacional de Gestão de Calamidades e o Escritório de Coordenação de Assuntos Humanitários das Nações Unidas, preparando-se para agir e apoiar a população.
As estimativas de impacto não são animadoras, contando com previsão de serem afetadas 8.215 escolas e 875 unidades sanitárias.

 

A Oikos está a posicionar-se em particular na área de segurança alimentar, sendo que o Governo já tem alimentos, bens não alimentares e outros meios preposicionados. Está a ser feito um pedido aos parceiros humanitários e organizações da sociedade civil para indicar os bens que podem disponibilizar em caso de necessidade, incluindo que mobilizem meios para fazer um possível levantamento de danos.

 

Após a devastação provocada pelo ciclone IDAI e Kenneth em 2019, dos quais muitas pessoas ainda se encontram a recuperar, a tempestade tropical Chalane deve atingir amanhã a costa de Sofala entre as 4 e 5 da manhã com ventos sustentados de 63 a 118 km/h.

  

Siga-nos

 

Participe em Ações e Eventos

Janeiro 2021
D 2a 3a 4a 5a 6a S
27 28 29 30 31 1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31 1 2 3 4 5 6