Área Reservada

Oikos vai iniciar projeto de reconstrução em Moçambique

Segunda, 13 Janeiro 2020 15:02

A Oikos vai liderar um dos 5 projetos financiados pelo Governo Português, através do Camões I.P, trabalhando em consórcio com a Caritas Portuguesa, Caritas Moçambicana, ADPM e Associação Luarte para reconstrução de Moçambique. Vamos iniciar um projeto de recuperação agrícola a 2 anos nas zonas críticas mais afetadas pelos ciclones Idai e Kenneth, nas províncias de Sofala e Cabo Delgado, que apoiará mais de 22.500 pessoas.

O objetivo é garantir a segurança alimentar e nutricional das famílias e a restauração económica das comunidades.

 

Depois de apoiar mais de 243 mil pessoas na emergência, a Oikos, com apoio do Programa Alimentar Mundial, está ainda a prestar assistência alimentar às populações deslocadas devido aos conflitos em Cabo Delgado.

 

As reservas de alimentos perderam-se com os ciclones, os cultivos continuam destruídos e as pessoas não têm acesso a sementes, ferramentas agrícolas, ou recursos que lhes permitam recomeçar. Então é urgente que as populações possam começar novamente a produção agrícola para não só garantir alimentos como ter uma forma de rendimento para as suas famílias.

 

“Consideramos a resposta de emergência como uma fase de um processo de desenvolvimento e que, uma vez asseguradas as necessidade mais básicas, é fundamental acionar mecanismos de recuperação e restituição de meios, infra-estruturas e capacidades para que as comunidades retomem a sua vida de forma sustentável”, refere Ricardo Domingos – diretor de operações da Oikos.

 

Os donativos recolhidos com a campanha de natal da Oikos “Semear Moçambique” vão ser um reforço deste nosso trabalho de recuperação junto das comunidades.

 

A todos os financiadores, doadores e parceiros, a Oikos agradece o apoio e confiança!

  

Siga-nos

 

Participe em Ações e Eventos

Outubro 2020
D 2a 3a 4a 5a 6a S
27 28 29 30 1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31