Área Reservada

1ª edição da Escola de jovens defensores de Direitos Humanos concluída com sucesso em El Salvador!

Segunda, 09 Agosto 2021 07:25

 

Jovens de 19 organizações sociais concluíram com sucesso a primeira edição da “Escuela de Juventudes Defensoras”, uma escola para Organizações Juvenis defensoras de Direitos Humanos criada através do projeto "Jovens organizados defendendo os seus direitos".

 

A Escola, que decorreu entre abril e julho de 2021, foi composta por quatro cursos intensivos, cada um com uma semana de duração: o “Curso para Defensores de Direitos Humanos”, o “Curso de Advocacia Política”, o “Curso de Promoção”, “Comunicação e Campanhas: levantando a nossa voz” e o “Curso TIC: Tecnologias para os Direitos”. Ao final de cada semana, os participantes desenvolveram um produto-chave para sua organização e partilharam o conhecimento adquirido.

 

Os cursos foram administrados com uma abordagem do “aprender fazendo”, com o objetivo de ter um processo de aprendizagem participativo e de criar espaços baseados na experimentação ativa e consciente dos jovens. Para isso, as atividades desenvolvidas foram diversas: oficinas, apresentações, grupos de discussão, exercícios criativos, espaços de reflexão, visitas guiadas e troca de experiências com defensores dos direitos humanos.

 

“Um jovem defensor está atento para absorver ferramentas para o seu crescimento, pois também precisa de mecanismos de proteção, de identificação de problemas e guias de aprendizagem. Foi isto tudo que a Escola nos proporcionou”, disse Alejandra Meléndez, da organização Servicio Paz y Justicia de El Salvador, durante a cerimónia de encerramento.

 

Durante o evento, foi realizado a entrega do Prémio “1ra Escuela de Juventudes Defensoras" para seis organizações juvenis, que se destacaram pelo excelente desempenho na construção de planos de advocacy com componentes de comunicação e novas tecnologias. Essas organizações foram: Mentes Jóvenes, Movimiento Verde Salvadoreño Ecologista (MOVERSE) y Afrodescendientes Organizadxs Salvadoreñxs (AFROOS), Red de Investigadores Ambientales de El Salvador (REDIA), Red Visión Juvenil y Virtuous Woman International. A destacar que a seleção e premiação esteve a cargo de um júri interorganizacional composto por cinco representantes do consórcio e de organizações juvenis.

 

Esta atividade formativa foi promovida pelo projeto "Jovens organizados defendendo os sues direitos" , do qual participam 65 organizações juvenis de quase todo o país.

 

Outras atividades voltadas à formação em Direitos Humanos são: aula virtual para Jovens, pesquisas, diálogos intergeracionais e desenho participativo de campanhas.

 

 

 graduacao2

 

 

graduacao

 

 

graduacao3

 

 

graduacao1

 

Consulte o Projecto: