Honduras

Estudo sobre a qualidade do ar nos lares hondurenhos

A relação entre a qualidade do ar que respiramos no nosso lar tem uma forte influência nas doenças respiratórias e outras doenças não-transmissíveis de forma geral.

 

Tendo em conta esta temática, no âmbito das actividades do projecto “Para uma casa saudável” que abrange cerca de 4 mil beneficiários de lares pobres nas Honduras, mais de 60 pessoas participaram na primeira visita técnica à comunidade Divina Providencia em Amarateca.

 

O objectivo desta visita foi identificar e medir, através de uma investigação rápida com recurso a análise por amostragem, a condição das habitações da comunidade, especialmente no que respeita a meio ambiente saudável, implicando a observação quer das habitações quer o meio envolvente ao seu redor, inclusive da própria comunidade. 

O grupo, coordenado pelo Centro de Diseño, Arquitectura y Construcción (CEDAC), incluiu estudantes e professores de arquitectura e fotografia, bem como técnicos da Oikos, ActionAid, Centro de Desarrollo Humano (CDH) e voluntários da comunidade no projecto.

Foram visitadas 229 habitações e os moradores foram entrevistados de forma a preencher um formulário com as informações necessárias para posterior análise e diagnóstico sobre o tema em causa.

 

Este projecto visa despertar a consciência para a importância da qualidade do ar e melhorar os conhecimentos da população sobre a relação entre o ar respirada no seu lar com a saúde e uma boa qualidade de vida.

Artigos Relacionados