Retazos – Evoluir para a criação artística, o intercâmbio e a transformação sociocultural

Pretende-se contribuir, através da arte, para a transformação sociocultural em Cuba, dando visibilidade à dimensão do género.

A Oikos, em parceria com a Memory Wax, Associação de Dança e Teatro sueca, e com a Danza-Teatro Retazos, grupo de Dança e Teatro cubano, colaboraram para o desenvolvimento de uma plataforma de intercâmbio cultural entre artistas cubanos e europeus a partir de uma perspectiva participativa, interativa e dinâmica, agregando valores e expressões criativas que reflitam a identidade contemporânea da dança e a sua contribuição para a transformação sociocultural.

Entre as principais atividades estava a capacitação em gestão organizacional, cultural e de género, que foi ministrada aos colaboradores do grupo de Dança e Teatro Retazos, bem como a preparação e apresentação de três novos trabalhos coreográficos em Cuba e na Suécia.

Estas ações possibilitaram não só a criação de novas capacidades de gestão administrativa e cultural que asseguram a transição funcional e sustentabilidade do grupo Danza-Teatro Retazos, como também a melhoria da sua infra-estrutura tecnológica. O projeto permitiu ainda o florescimento de novos produtos artísticos e espaços de intercâmbio internacional, reforçando a sua ação comunitária.

Foram beneficiados diretamente 43 membros do grupo Danza-Teatro Retazos e mais de 100 artistas formados nas Escolas de Arte em Havana; a Divisão do Património Cultural da “Oficina del Historiador de la Ciudad de La Habana”; além das crianças e adolescentes que frequentam as escolas locais das comunidades beneficiárias. No final, aproximadamente 200 artistas escandinavos e agentes culturais e 2 700 pessoas, entre colaboradores cubanos da cultura e a população no geral, foram beneficiados com esta acção.

País: Cuba

Localidade: Havana

Quando: 2012 - 2015

Financiamento: 305 000 €

Beneficiários: 2 900 pessoas

EIXOS TEMÁTICOS

SETORES DE INTERVENÇÃO

Últimas Notícias



Projetos Relacionados